Gadgets e Novas Tecnologias de Segurança

Written by

Gadgets e Novas Tecnologias de Segurança

Confira as principais novidades de convergência em segurança e tecnologia  

Com a constante evolução da tecnologia, as empresas do ramo da segurança estão dando novos passos em direção a modernização de seus recursos. 

Security Megatrends 2020 revelou que o futuro do setor está na convergência de equipamentos já conhecidos com inteligência artificial. 

A proposta é que os novos mecanismos tecnológicos modernizem e aprimorem a forma como utilizamos as ferramentas de segurança. 

Atualmente, o mercado já conta com diversos gadgets neste sentido, cada vez mais complexos, com a proposta de facilitar o trabalho do Gerenciamento de Risco e trazer soluções mais sofisticadas para monitoramento e contingência. 

Veja algumas das novidades desenvolvidas pelas principais empresas de segurança e tecnologia ao redor do mundo e que já estão disponíveis no Brasil:  

Controle de Acesso 

A empresa de tecnologia TovTec em parceria com o Grupo Haganá, desenvolveu um sistema de controle de acesso para condomínios que funciona através do aplicativo Whatsapp. 

Trata-se de uma assistente virtual, chamada Sabrah, que conversa de forma humanizada com os usuários. 

O morador informa à Sabrah que receberá uma visita através de uma mensagem no próprio aplicativo, e a assistente gera um QRCode para que o convidado utilize na portaria. 

O porteiro também recebe a foto do visitante para conferir que se trata da mesma pessoa. 

O acesso também pode ser feito por reconhecimento facial, caso o condomínio possua este recurso. 

A tecnologia pode ser usada para festas no condomínio: o residente envia a lista de convidados previamente e todos recebem o código para acessar à área de eventos. 

E isso não é tudo. 

A assistente Sabrah também funciona para entregas de correspondência ou delivery. O usuário recebe uma mensagem instantânea que sua encomenda está disponível para retirada na portaria. 

Esta tecnologia já tem sido aplicada em condomínios de luxo em São Paulo, que contam com controle de acesso informatizado e estão preparados para leitura dos QR Codes e reconhecimento facial. 

Drones 

Cushman & Wakefield, junto com a Associação E-Business Park e a empresa Aeroscan, começaram em julho do ano passado um projeto de monitoramento em condomínios empresariais com drones. 

O drone é uma tecnologia que vem se popularizando rapidamente e hoje qualquer pessoa pode adquirir o equipamento em lojas ou sites de compras. 

Mais do que captar boas imagens, o drone pode ser uma ótima aliada da segurança. Seu poder de alcance e a capacidade de sobrevoar qualquer obstáculo têm chamado a atenção do setor. 

Nos Estados Unidos, a máquina é utilizada pelo serviço de saúde onde, no caso de uma emergência, antes mesmo dos paramédicos chegarem, é enviado um drone portando kit de primeiros socorros e um desfibrilador. 

No Brasil, as ideias ainda não estão maturadas, mas já podemos experienciar a utilização de drones para monitoramento aéreo de grandes áreas, como no caso do E-Business Park. 

Aplicativos de Segurança 

Ainda embrionário no Brasil, a utilização de aplicativos de documentação e Gerenciamento de Crise em segurança já é um recurso bem comum nos países desenvolvidos. 

A introdução de todo o planejamento de crise em uma plataforma digital possibilita que todos os funcionários o tenha em mãos, 24 horas por dia. 

Isso significa agilidade para acionar a gestão e informar, de forma personalizada, o que deve ser feito individualmente aos colaboradores. 

Toda a equipe tem acesso às informações previamente autorizadas pela gestão, que também pode se comunicar em tempo real com qualquer integrante através do chat do próprio aplicativo. 

As plataformas de segurança digitais também são customizáveis, o que permite fazer as alterações pertinentes às necessidades de cada negócio. 

No Brasil, já é possível adquirir a tecnologia com a empresa CoSafe

Câmeras  

A inteligência Artificial (AI) tem sido cada vez mais incorporada aos sistemas de segurança. Ainda que os equipamentos pareçam os mesmos, novos recursos têm facilitado a vida dos profissionais que trabalham em centrais de monitoramento. 

Câmeras de segurança ainda cumprem sua função primordial, mas estão muito mais inteligentes. 

Além de captar imagens, os equipamentos são sensíveis a movimentos, som, luz e calor. Possibilitando a identificação do objeto mais rapidamente. 

As câmeras de segurança também são capazes de armazenar informações e criar uma memória, baseada nas imagens e ocorrências gravadas. 

A ferramenta fica gradualmente mais inteligente e fornece relatórios mais completos. Auxiliando muito a gestão na criação de novas estratégias de segurança. 

A empresa Hikvision é uma das pioneiras na criação de equipamentos convergidos com AI. 

O Fator Humano 

Ainda que possamos contar com o mais avançado gadget e tecnologias em segurança, o fator humano ainda é decisório em todo Gerenciamento de Crise

Treinamento de equipe em situações de risco, bem como orientações para utilizar da melhor forma essas novas ferramentas são ações de nível primário para que as aquisições não sejam apenas recursos gastos em vão. 

Se você não tem certeza que sua equipe está preparada para recebê-los, é melhor investir primeiramente em uma Cultura de Segurança para depois reforçar o plano com soluções mais inovadoras. 

Deixe uma resposta